Resenha: O Maravilhoso Agora

Nome original do livro: The Espectacular Now

Gênero: Ficção Americana

Autor (a): Tim Tharp

Editora: Record


oma  Sutter Keely, conhecido como Sutterman, o rei das festas, é um adolescente de 17 anos que está em seu último ano do colégio. Mora com sua mãe e o padrasto, seu pai foi embora e os deixou quando ele tinha 9 anos e sua irmã mais velha já é casada e vive no seu próprio lar. Seria muito estranho se você encontrasse com o Sutterman e ele não estivesse acompanhado de uma garrafinha de 7Up acompanhado de uísque. Juro que acho que esse garoto é um alcoólatra, apesar disso não ser mencionado no livro.

Sutter nunca foi um garoto de se comprometer totalmente em um relacionamento. Ele é o tipo de cara que nenhuma garota em sã consciência iria querer namorar. Mas Cassidy, sua atual namorada, é a garota que tem o seu coração. Um certo dia, após ter dado milhões de sermões no namorado, Cassidy flagra Sutter conversando e abraçado com uma garota chamada Tara, que é amiga da nova namorada que Sutter arrumou para seu melhor amigo, o Ricky. E então decide acabar o namoro, pois já não aguentava a falta de responsabilidade do namorado no relacionamento.

Quando levou o pé na bunda da amada Cassidy, Sutter, como todos os outros caras geralmente fazem depois de um fora, saiu para beber e acordou no quintal de uma casa às 6:00 da manhã sendo chamado por Aimee, uma garota doce, nerd e cheia de sonhos que estuda na sua escola que estava no trajeto da sua entrega de jornais matinal. Aimee não é muito bem tratada por sua família nem por sua melhor amiga e percebendo isso, Sutter decidiu ajudar essa garota a ser alguém mais segura de si e com mais atitude.

A medida que a amizade dos dois foi crescendo, Aimee terminou se apaixonando e os dois passaram a ser mais do que amigos. Mas Sutter, mesmo sendo um cara que já teve muitas namoradas, é um cara que não se interessa em pensar no futuro, ele só quer viver o seu Maravilhoso Agora. Aimee por outro lado, é uma menina, que como já disse, é cheia de sonhos e tem planos para ir estudar em uma faculdade na cidade em que sua irmã mora e Sutter é a pessoa que mais a apóia, já que a família não dá o apoio que ela precisa. Só que tem um problema para o grande Sutterman: Aimee quer que ele se mude com ela para que eles possam morar juntos em um apartamento que a irmã já garantiu que ia arrumar para os dois.

Bem… O resultado dessa grande ideia de Aimee você vai saber lendo o livro que eu achei tão maravilhoso. Faz jus ao nome, hehe!

É uma historia narrada pela 1ª pessoa contando o ponto de vista de Sutter. Alguns dos pontos destacados na história é o questionamento do “padrão” que a sociedade cria do que é bonito e a relação familiar.

Eu adorei conhecer a historia do Sutter Keely, apesar de ter um pouco de raiva dele em determinados momentos… Acho que Aimee tinha tudo pra ser uma garota da qual eu ia ficar na torcida pra ficar com Sutter e ver se dava um jeito nele. Mas ele foi quem deu um jeito nela e ela acabou indo meio que sendo influênciada a ir pro caminho dele. Mas isso não faz da história ruim. Recomendo bastante, tenho certeza de que você vai adorar acompanhar esse jovem em busca do seu Maravilhoso Agora.

Por: Maria Fernanda